Varejo

Nos últimos dez anos, o varejo registrou um crescimento significativo com a expansão econômica decorrente do aumento da riqueza e da população, bem como da abertura dos mercados. Durante esse período, os formatos de varejo evoluíram bastante. Os supermercados mudaram para categorias adjacentes e criaram linhas de negócio com marcas próprias. Os hipermercados do tipo category killers tornaram-se ainda maiores. Surgiram novos tipos de discounters, e varejistas especializados expandiram suas redes de lojas em todo o mundo. Os donos das marcas – desde cosméticos até vestuário e produtos especiais – abriram lojas próprias para fortalecer suas franquias. A internet, inicialmente usada para pesquisa e comparação de preços, firmou-se como parte de um ciclo de compras multicanal. As inovações no varejo não se restringiram ao merchandising, embalagem e formatos, mas aproveitaram oportunidades em toda a cadeia de suprimentos.

Hoje, os varejistas enfrentam forte concorrência, com redução dos gastos dos consumidores, mudanças na demografia, expansão contínua dos players mais fortes para novas categorias e regiões, e surgimento de novos canais e formatos de lojas. A rapidez de comercialização tornou-se um ponto importante de vantagem competitiva e está mudando o setor de varejo e vestuário, principalmente. Em muitos mercados, os consumidores também estão mostrando maior consciência ambiental, forçando mudanças na forma de atuação do setor. A revolução das comunicações está intensificando esses desafios, pois mina as abordagens tradicionais de construção da marca e, ao mesmo tempo, oferece aos consumidores mais opções, acesso mais fácil e maior transparência em suas relações com as empresas.

Como uma das principais consultorias de gestão para o setor de varejo, a Strategy& tem vasta experiência em auxiliar os clientes a atingir o crescimento rentável e sustentável em um mercado cada vez mais competitivo. Nosso conjunto de habilidades abrange uma rede global de consultores de varejo com ampla experiência em questões de estratégia, operações e tecnologia, bem como profundo conhecimento em áreas críticas como aquisição, avaliação, distribuição e gestão da cadeia de abastecimento; eficácia em promoções e marketing; transformação da base de custos; gestão da organização e da mudança; e redução do capital de giro.